Os dados foram divulgados pela Instituto Nacional de Saúde Ricardo Jorge que através do “teste do pezinho” avança agora com um aumento de nascimentos em Portugal no ano passado. Em 2019 nasceram 87.364 bebés, mais 537 nascimento do que no ano anterior (2018) e mais 4.264 bebés do que em 2014.

Segundo a informação avançada à Lusa por este instituto português, Lisboa registou o maior número de “testes do pezinho”, 26.281, em segundo lugar está o Porto com 15.701, seguido de Setúbal com 6.723.

No fundo da lista com o menor número de nascimento estão Portalegre com 621, Bragança com 629 e Braga com 697. Por outro lado, Outubro foi o mês com mais nascimentos, 8.516, seguido de Janeiro com 8.291 e Agosto com 7.599.

Recorde-se que o Programa Nacional de Diagnóstico Precoce, ou “teste do pezinho” como é conhecido, teve início em 1979 para diagnosticar doenças genéticas em crianças que podem ser travadas com tratamento precoce.